Paulo Navarro | terça-feira, 29 de janeiro de 2019

Em Brasília, o presidente da AMM, Julvan Lacerda, ao lado do presidente da CNM, Glademir Aroldi

Foto: Comunicação/AMM

Rosas ou Lama 

Diante da tragédia de Brumadinho e recordamos nosso saudoso poeta Carlos Drummond de Andrade: “O Rio? É doce/A Vale? Amarga/Ai, antes fosse/Mais leve a carga/Entre estatais E multinacionais/Quantos ais!/A dívida interna./A dívida externa/A dívida eterna./Quantas toneladas exportamos/De ferro?/Quantas lágrimas disfarçamos/Sem berro?” E vocês? O que esperam do Brasil? Mar de rosas ou de lama?

AMM em foco 

A Associação Mineira de Municípios comemorou, em 2018, 66 anos de atuação na defesa dos municípios mineiros. Sob o comando do prefeito de Moema, Julvan Lacerda, a maior entidade municipalista do Brasil só tem a comemorar. Com uma gestão em defesa implacável dos municípios mineiros, Julvan também emprestou sua expertise ao Brasil, através de sua atuação na vice-presidência da Confederação Nacional de Municípios (CNM).

Pilares da gestão 

Para o superintendente executivo da AMM, Rodrigo Franco, a entidade se baseou em pilares importantes como economicidade, planejamento e transparência, por meio do foco e da união da equipe. Prova dessa força foi a última assembleia da associação, que reuniu cerca de 350 prefeitos, na última semana, em BH. Os gestores municipais continuam a pressão para que o Governo de Minas não mais confisque os repasses constitucionais semanais, o que vem acontecendo desde o governo Pimentel e causando o caos nas contas públicas municipais.

Luz no túnel 

O gente boa Lu Pereira, coordenador-geral de Comunicação da AMM, é o responsável pela repercussão da luta da entidade nas primeiras páginas de jornais mineiros nacionais. E adianta que, apesar dos primeiros embates entre associados e o Governo Zema, os prefeitos acreditam em um provável acordo para a questão.

Limão fatal 

Em tempos de verão, a coluna alerta: cuidado com o limão na cerveja. Acontece que o ácido cítrico do limão cortado previamente, em ação com os conservantes estabilizantes excessivos presentes na cerveja, são um paraíso para micro-organismos, se tornando um veneno letal. O resultado é a produção de uma toxina altamente nociva ao nosso organismo, o que pode levar à morte.

Curtas & Finas

* Conrado Adolpho, criador da metodologia 8Ps – vendas e marketing digital – estará no Actuall Convention Hotel, Contagem, dias 1, 2 e 3 de fevereiro.

Na pauta, como montar uma empresa do zero, com mínimo risco, baixo investimento e máximo retorno.

* A MRV Engenharia adentra 2019 comemorando seus 40 anos e as 40 premiações recebidas em 2018. Inovação, foco no cliente e sustentabilidade foram os ingredientes do sucesso.

* A Líder Aviação ganhou a certificação IS-BAO (Internacional Standard for Business Aircraft Operations) em fretamento de aeronaves.

O selo mundial atesta a qualidade e a segurança das empresas de aviação executiva, bem como a padronização de suas operações.

* A Multitexto Comunicação é bicampeã na segunda edição do Prêmio Arcos Dourados de Comunicação Corporativa.

O resultado foi divulgado durante o 2º Workshop de Comunicação Corporativa da Arcos Dourados, em São Paulo e reuniu as agências de comunicação afiliadas que atendem o McDonald’s em todo o país.