Explicando o novo

Lançando seu blog homônimo ao lado da filha Luiza, a super Bel Martucheli (à direita)
Foto:Edy Fernandes

Explicando o novo
O colega Ariel Palácios, comentarista da GloboNews, em Buenos Aires, explica o termo Feminicídio. Exagero? Nem tanto, existe desde 1976, usada no Tribunal Internacional sobre Crimes contra Mulheres, em Bruxelas. Se uma mulher é morta num assalto a banco não é feminicídio. Feminicídio é o assassinato de mulheres por ódio às mulheres. O idioma precisa de rigor, precisa diferenciar, para não amenizar. E existem outros termos adequados, como “parricídio” para o assassinato de pais pelos filhos".

Explicando o diferente 
E mais: magnicídio para chefes de Estado mortos por questões políticas ou infanticídio, crianças mortas pelos pais. No Brasil, entre 1980 a 2013, tivemos mais de 106 mil mortes violentas de mulheres. Cinco vezes mais que no desembarque na Normandia na Segunda Guerra Mundial.

Crise criativa 
Como montar um presépio sem dinheiro? A gruta, o estábulo, é uma caixa de papelão. No alto dela, como anjo, está uma lata de Coca Cola, daquelas especiais, com nomes de pessoas, com o nome Angel. Dentro da caixa, mais três latas e nomes; duas em pé, José e Maria e uma deitada, com o nome Jesus. À entrada da caixa, em vez do camelo dos reis Magos, um maço de cigarros Camel. Sempre o humor!

Termômetro do gelo Da Leitora Adriana Rios: "a cada dia aumenta a venda de usados. Impressionante! E percebe-se que alguns são objetos pessoais, de família, de valor sentimental. E isso é o retrato da crise". No site "Enjoei e vou desapegar", o Brasil deveria expelir Renan e turma, por exemplo.

 

Ainda no lançamento do blog que teve coquetel no Vila da Serra, o endocrinologista Levimar Rocha Araújo e a nutricionista Cássia Nascimento
Foto: Edy Fernandes

Curtas & Finas

* Eliane Ramos estava tranquila com sua empresa, há 23 anos, PI Brasil, uma multinacional que representava no Brasil. Aí, assumiu a presidência da Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH-MG), 50 anos no mercado. Trabalho voluntário.

A ABRH-MG promoveu a 15a edição do  Prêmio Ser Humano: reconhecer, premiar e incentivar projetos e práticas organizacionais. Ano que vem tem mais.

*Nosso amigo Plínio Carvalho celebra mais uma primavera com amigos e familiares hoje, no Graciliano Belvedere.

* A terceira temporada do Festival de Luz e Música (música e dança para os passageiros e usuários do Aeroporto Internacional de BH), acontece, hoje, às 16h30, com apresentação da Orquestra Ouro Preto, 20 músicos, sob regência do maestro Rodrigo Toffolo.

No repertório, músicas tradicionais natalinas como "Jingle Bells", "SoThisisChristmas", Boas Festas, Noite Feliz e Meu Sapatinho, na peça denominada Auto de Natal.

E apresentações diárias de música e de dança entre os dias 19 e 22/12, em dois horários. As atrações acontecem num palco, na entrada principal do Aeroporto